No combate a Degue, Gelson Costa (PT, Candói) mostra para quê veio


Nas últimas semanas, a prefeitura de Candói por meio da Secretaria de Saúde está realizando campanha de conscientização contra a Dengue. 

Os funcionários da prefeitura estão realizando um mutirão no interior do município e na região considerada urbana.

Segundo relatos, dois focos do mosquito foram encontrados na suposta cidade e na Lagoa Seca. Aluns moradores tinham estocados no quintal até mil e quinhentas peças de roupas jogadas a céu aberto.

Outro morador tinha estocado mais de sessenta pneus.

O que chama a atenção é que a prefeitura municipal de Candói sempre recebeu verbas governamentais para fazer esse trabalho de conscientização.

Na gestão anterior, o máximo que se podia ver era um panfleto jogado no balcão do Centro de Saúde.

A nova gestão mostra aos poucos que o município precisa de gerenciamento inteligente dos recursos financeiros e humanos e ninguém precisa reinventar a roda.

Pergunto, a maioria dos funcionários são os mesmos na gestão anterior e agora, por que estão espantados com a quantidade de sujeira encontrada nas residências?

Eu entenderia o seguinte: nunca tivemos a oportunidade de pensar e nunca fomos motivados a promover mudanças pequenas, mas significativas para o bem-estar social da polução. Isto é, fazer o nosso trabalho.

 

 

 

Anúncios